Retirei a vesícula, e agora?

Bom dia! 🔅

É bastante comum atendermos pacientes  que tenham feito colecistectomia (“retirada da vesícula”). Antigamente a orientação padrão era: “evite consumir gorduras”.

O que deve mudar na alimentação e suplementação de pacientes que não possuem mais vesícula⁉️

Mas será que é só isso⁉️

Mesmo que a vesícula biliar não seja um órgão vital, sua remoção pode ter consequências metabólicas.A vesícula biliar é responsável pela produção de bile ou ácidos biliares (ABs). Os ABs são produtos finais do metabolismo do colesterol e sua síntese é um dos procedimentos que levam à eliminação do excesso de colesterol.

Os ácidos biliares estão envolvidos com a digestão de gorduras e consequentemente na absorção de vitaminas lipossolúveis (Vitaminas A, D, E e K).

Também agem como moléculas sinalizadoras no metabolismo da glicose, metabolismo energético e fundamentais para a microbiota intestinal. 👉Alguns autores acreditam que os ABs sejam os PRINCIPAIS reguladores da microbiota intestinal.

Na prática clinica, as recomendações são:

  • Dieta baixa em gorduras (<200 mg de colesterol/dia);
  • Baixo consumo de gordura saturada (frituras, alimentos industrializados);
  • Rica em fibras (mínimo 30g);
  • Restauração da microbiota com probióticos, polifenois e prebióticos;
  • Suplementação de vitaminas lipossolúveis (vitaminas A, D, K e E);
  • Chás digestivos após as refeições: gengibre, hortelã, erva doce e camomila.

Compartilhe o post para quem precisa saber!!! 😍

Bjo😚
Nutri Ana Gluck

Instagram: @anagluck

Não encontrou o que estava procurando? Busque no site

CHLORELLA – Como não amar?

Bom dia! 🔅 Adoro e utilizo de temos em tempos, principalmente pela sua alta concentração…

Gordura abdominal x Álcool x Testosterona

Bom dia!🔅 Aiaiaai, sei que esse post não vai agradar muito, mas verdade seja dita……

Purê de Grão-de-Bico ao Curry

Bom dia!🌻 Bora para MAIS uma receita MARA 🙌😋 600g de cenoura 1 unidade de…

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Chame no WhatsApp